Saltar para o conteúdo principal
A carregar Eventos

POSE E VARIAÇÕES

Escultura em Paris no tempo de Rodin
  Evento passado
De 26 Outubro 2018 a 4 Fevereiro 2019

A grande exposição de Inverno do Museu Calouste Gulbenkian abre ao público já no dia 26 de outubro, apresentando um magnífico conjunto de esculturas intemporais reunido por dois notáveis colecionadores de arte: Carl Jacobsen (1842-1914), fundador da Carlsberg, e Calouste Sarkis Gulbenkian (1869-1955).

O tempo de Rodin, artista central desta exposição, foi também o tempo de outros grandes escultores como Jean-Antoine Houdon, Aimé-Jules Dalou, Paul Dubois, Jean-Baptiste Carpeaux, Edgar Degas ou Denys-Pierre Puech. Todos eles estarão representados nesta exposição inédita, dedicada à pose na escultura francesa, principalmente na segunda metade do século XIX, e que junta três dezenas de esculturas das coleções de Carl Jacobsen e de Calouste Sarkis Gulbenkian.

A exposição, que abre este mês na Galeria Principal do Edifício Sede da Fundação, explora o modo como os escultores franceses adotaram as poses ensinadas na Academia e as adaptaram nas suas criações, seguindo o seu caminho pessoal a partir dos ensinamentos académicos ou afastando-se deles.

Cinco núcleos distintos de objetos darão corpo ao tema proposto, com a figura humana omnipresente, ora inspirada na intemporal mitologia clássica, ora assumindo uma dimensão realista ou intimista.

A exposição é uma organização conjunta da Fundação Calouste Gulbenkian e da Ny Carlsberg Glyptotek de Copenhaga, que a acolherá no próximo ano.

Fundação Calouste Gulbenkian
Edifício Sede – Galeria Principal

Artes visuais