Saltar para o conteúdo principal
pt

Do exame final ao mestrado

Bolsa de Francês Língua Estrangeira (FLE)

O Instituto francês do Portugal oferece bolsas FLE para ir em França durante um ou dois meses e melhorar o seu nível de francês.

Duração da estadia e da bolsa:

1 ou 2 meses

Condições de elegibilidade:

  • Ser estudante do ensino secundário ou de licenciatura ou mestrado em Portugal;
  • Ter pelo menos 16 anos
  • Ter um projeto de estudos em França;
  • Prova de um nível B1 em francês.

Benefício:

  • Pagamento de um subsídio de subsistência;
  • Pagamento das taxas de inscrição e custos de ensino;
  • Pagamento de alojamento e/ou refeições;
  • Transporte do aeroporto para o local de formação (dentro de França);
  • Como bolseiro do governo francês, está segurado durante o período da sua estadia.

A chamada está aberta todos os anos de Fevereiro a Abril. Para mais informações sobre como candidatar-se, clique aqui.

 

Bolsas Excelência-Major

Este programa de bolsas de estudo do governo francês (BGF), co-financiado pela Agence pour l’enseignement français à l’étranger (AEFE) e pelo Ministère de l’Europe et des Affaires étrangères (MEAE), permite que os melhores estudantes estrangeiros de liceu de escolas secundárias francesas frequentem um elevado nível de ensino superior em França. Este programa concede cerca de 200 bolsas de estudo por ano, através da rede de liceus franceses no estrangeiro. No total, mais de 800 estudantes de quase 80 nacionalidades diferentes beneficiam deste programa.

Campo de estudo:

Todos os campos de estudo.

Duração da bolsa:

Por um máximo de 5 anos, até ao nível de Mestrado 2 ou equivalente.

Requisitos de elegibilidade:

  • Ser um estudante estrangeiro de uma escola secundária francesa no estrangeiro;
  • São avaliados:
  • A excelência académica dos candidatos;
  • O plano de estudo de 5 anos do candidato em França;
  • A motivação e a capacidade de adaptação do candidato.

As candidaturas dos estudantes do último ano são apresentadas pelos diretores dos liceus franceses no estrangeiro e validadas pelo departamento de cooperação e ação cultural do posto diplomático do país em questão. Os pedidos são então enviados para a AEFE para validação. A decisão final de atribuir uma bolsa de estudo aos candidatos selecionados pela comissão está condicionada à obtenção de uma nota “boa” ou “muito boa” no baccalauréat e à confirmação da inscrição no curso de estudos anunciado na candidatura.

Para mais informações, visite o website da AEFE sob o título “Orientação”.

 

Bolsa de Excelência Eiffel

O programa de bolsas Eiffel é um instrumento desenvolvido pelo Ministério da Europa e dos Negócios Estrangeiros para permitir aos melhores estudantes estrangeiros seguir cursos de mestrado e doutoramento em instituições de ensino superior francesas. As candidaturas são apresentadas exclusivamente por instituições de ensino superior francesas.

Certos campos de estudo são identificados como prioritários, e o objetivo é estimular as candidaturas de estudantes de países emergentes para o nível de mestrado e de países emergentes e industrializados para o nível de doutoramento.

Campos de estudo:

Para a ciência e tecnologia:

  • Biologia e saúde
  • Transição ecológica
  • Matemática e Digital
  • Ciências da engenharia

Para as ciências humanas e sociais:

  • História, língua francesa e civilização
  • Direito e Ciência Política
  • Economia e Gestão

Níveis de estudo:

  • seja em cursos que conduzam a um mestrado;
  • seja numa licenciatura em engenharia.

Duração da bolsa de estudo:

  • Até 12 meses ao matricular-se em M2;
  • Um máximo de 24 meses quando se inscreve num programa M1;
  • Um máximo de 36 meses para a preparação de um diploma de engenharia.

Benefícios:

  • Um subsídio mensal de 1.181 euros;
  • Pagamento direto de vários serviços: transporte internacional, transporte nacional, seguros, alojamento, atividades culturais, etc.

A chamada está aberta todos os anos de Outubro a Janeiro. Para mais informações sobre como candidatar-se, clique aqui.

 

Institut national du service public (INSP) – Programas internacionais

Anteriormente chamada a École Nationale d’Administration (ENA), o Institut National du Service Public (INSP) foi fundado sobre os princípios da democratização do acesso à alta função pública e da profissionalização da formação dos altos funcionários públicos. O INSP formou mais de 6.500 altos funcionários públicos franceses e cerca de 3.650 estrangeiros. Mais de cem nacionalidades são representadas todos os anos.

O INSP oferece três tipos de formação de excelência acessíveis aos estrangeiros. Um bom domínio da língua de formação (francês e/ou inglês) é essencial.

 

  • Programas internacionais curtos (Pic)

Com duração de 1 a 2 semanas, são sessões de formação intensiva sobre um tema específico, realizadas ao longo de todo o ano no INSP em Paris. Em 2022, o Institut national du service public (INSP) está a organizar 17 programas internacionais curtos, cada um dos quais permitirá aos participantes aprofundar os seus conhecimentos e desenvolver as suas competências nos domínios da governação, da transformação da ação pública e da ação pública europeia.

Informações e condições de acesso em: https://insp.gouv.fr/pic-2022.

A inscrição para a sessão de 2022 é possível durante todo o ano nesta página.

 

  • Curso internacional de formação avançada (Cip)

Este ciclo internacional permite aos executivos superiores com experiência familiarizarem-se com todos os aspetos da gestão pública em França e na Europa.

Duração: 8 meses, para funcionários superiores experientes.

Este curso de diploma pode ser concluído, em paralelo, por um dos dois mestres seguintes:

  • Mestrado “Administração Comparada e Gestão Pública (ACGP)” | Universidade de Estrasburgo
  • Mestrado “Administração Pública e Assuntos Internacionais” | Universidade de Paris 1 Panthéon Sorbonne

Informações e condições de acesso em: https://insp.gouv.fr/cycle-international-de-perfectionnement-cip.

Inscrição até Novembro para entrada no ano seguinte.

 

  • Ciclo Internacional Longo (Cil)

Este ciclo com uma dimensão internacional permite aos gestores públicos familiarizarem-se com a administração francesa, seguindo cursos comuns ao programa de formação inicial.

Duração: 13 meses (+ 1 mês opcional para a defesa do Mestre), para jovens funcionários públicos seniores. NB: A CIL pode estar aberta a futuros funcionários públicos após isenção.

A formação é certificada por um diploma internacional em administração pública com a menção “Ciclo Internacional Longo”. Pode ser concluído, em paralelo, por um dos três Mestres seguintes:

  • Mestrado “Administração Pública Geral” | Universidade de Estrasburgo – Sciences Po Strasbourg
  • Mestrado “Assuntos Públicos Europeus / Acção Pública na Europa” | Universidade de Paris 1 Panthéon Sorbonne
  • Mestrado “Comunicação das instituições públicas” | Universidade CELSA Sorbonne

Informações e condições de acesso em: https://insp.gouv.fr/cycle-international-long-cil.

Inscrição até Novembro para entrada no ano seguinte.

 

O Instituto francês do Portugal pode conceder uma bolsa de estudo do governo francês (cobrindo as propinas e as despesas de subsistência) até um máximo de 1.500 euros por ano a estudantes portugueses que desejem fazer o exame de admissão para um destes três programas. Precisa candidatar-se diretamente junto a nosso sector. A bolsa de estudo pode também ser solicitada a uma instituição nacional ou internacional, pública ou privada, ou ao governo que apresentou o candidato. Esta bolsa de estudo deve ser gerida em França por uma organização autorizada.

Para mais informações, contactar ciencia@ifp-lisboa.com.