Saltar para o conteúdo principal
A carregar Eventos

Hervé Cohen : Life Underground

Maat
  Evento passado
10 Dezembro 2020 (18:30)
Maat

Conversa com Hervé Cohen e Luísa Santos

O artista premidado Hervé Cohen conversa com a curadora Luísa Santos sobre novas formas de contar histórias através de filmes documentais. Tendo como ponto de partida, Life Underground, um projeto transmédia com um documentário interativo online e uma instalação imersiva, o artista francês convida os participantes para um diálogo direto na plataforma Zoom, onde os participantes terão um papel ativo na escolha das histórias e dos temas a percorrer.

Life Underground convida os espectadores a fazer uma viagem através dos metros do mundo e das histórias pessoais dos seus passageiros. Filmado até agora em mais de 18 cidades espalhadas pelo mundo, Life Underground toma o pulso a estes ambientes vibrantes e aos milhares de pessoas que por eles passam todos os dias. Ao documentar os passageiros e as suas histórias de amor, de sonhos, de família, de migração, e muito mais, Life Underground lembra-nos que por baixo da superfície estamos todos ligados.

 

 

Hervé Cohen é um realizador e diretor de fotografia premiado que atravessou o mundo para registar histórias fascinantes: da Amazónia, onde filmou uma peça poética sobre o meio ambiente; às zonas rurais da China, onde acompanhou o trabalho de três projecionistas de cinema ambulantes; passando pelo Senegal, onde captou a cerimónia de iniciação de um jovem diola; por todo o território dos Estados Unidos, onde filmou um road movie de uma família durante as primárias democráticas; pelo Benim, na África Ocidental, onde acompanhou a vida de uma rapariga de 7 anos ao longo de 12 anos de percurso escolar, para a série da PBS Time for School; e, claro, Paris (de onde é natural), onde filmou uma história pessoal sobre o exílio de judeus argelinos. Realizou também duas longas-metragens em São Francisco e no Haiti. Uma delas, Ayiti Mon Amour, foi candidata a Melhor Filme Estrangeiro nos Óscares de 2018.

 

Luísa Santos é Doutorada em Culture Studies pela Humboldt & Viadrina School of Governance, em Berlim, e Mestre em Curating Contemporary Art pela Royal College of Art, em Londre. É curadora independente e, desde 2019, Investigadora Auxiliar em Estudos de Cultura vertente de Estudos Artísticos na Universidade Católica Portuguesa. Entre 2016 e 2019 foi Professora Auxiliar, com uma Gulbenkian Professorship, na Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica Portuguesa. É research fellow da The European School of Governance (EUSG), em Berlim, desde 2019. Em 2013 foi investigadora na Konstfack, em Estocolmo. Investigadora do CECC, é atualmente Diretora do projeto 4Cs: from Conflict to Conviviality through Creativity and Culture. É membro do conselho editorial das revistas Estúdio, Gama, Croma e do Yearbook of Moving Image Studies (YoMIS – Research Group Moving Image Kiel), Büchner-Verlag. Colaboradora científica no projecto Arts-based participatory research approach: Potential for exploring Asian-Canadian youth identities through an intersectionality lens, coordenado pela York University. As suas principais áreas de investigação são arte contemporânea e sistemas sociais. É autora de várias publicações sobre arte e sociedade.

 

Artes visuaisCinemaDebate de ideiasDigital